Como fazer uma carta de amor escreva passo a passo

Como fazer uma carta de amor

Quem nunca pensou em escrever uma carta de amor para alguém? Até existem pessoas que acham que fazer uma carta de amor é brega, mas são aquelas que nunca se sentiram perdidamente apaixonadas por alguém. Mesmo estas, duvidamos que não gostassem de receber uma carta de amor!

Há muitos tutoriais na internet explicando como fazer uma carta de amor, mas na verdade existem poucas regras para escrever uma carta de amor.

Apesar disso, muita gente tem dificuldade de expressar seus sentimentos, por isso fizemos um passo a passo para orientar os apaixonados como colocar seus sentimentos no papel.

Como escrever uma carta de amor passo a passo:

I – Local:

Vá para um lugar calmo e sem possibilidades de interrupção. Ser interrompido a todo momento com certeza vai atrapalhar sua concentração. Se possível desligue até o celular. Barulhos da rua, de TV, vizinhos também atrapalham. Normalmente a noite costuma ser bem mais calmo para escrever.

II – Rascunhos:

Pegue vários papeis para fazer de rascunho ou, melhor ainda, escreva em um editor de texto pois é mais fácil “manipular” as ideias e colocá-las em ordem.

III – Crie um clima:

Se possível coloque músicas que gosta muito, ou que lembre daquela pessoa, nem precisa ser música romântica, o importante é tocar seu coração.

IV – Inspiração:

A maior inspiração é o amor que é sentido pela outra pessoa. Porém, a música que você colocou pode servir de inspiração. Textos de amor servem como fonte de inspiração. Se quiser leia textos românticos ou cartas de amor prontas, mas não copie, pois não vai parecer autêntico. Repetindo, elas servem apenas como inspiração.

V – Concentração:

Agora concentre-se pensando na pessoa amada, pense só nela. Tente visualizá-la em pensamento, lembrar dos momentos que viveram juntos.

VI – Texto:

Agora é hora de colocar os sentimentos pra fora, escreva! Inicialmente vá escrevendo de maneira desordenada todo que vier na sua cabeça, seus sentimentos em relação aquela pessoa, seus desejos, seus anseios, seus sonhos etc. Deixar sua alma falar. Seja o mais sincero(a), criativo(a) e emotivo(a) possível.

Nunca seja vulgar e jamais use palavrões ou expressões preconceituosas. Evite usar termos complicados, palavras na qual a pessoa precise usar um dicionário para saber a tradução.

Não coloque no texto, só se for indispensável ou proposital, qualquer problema seu, dela(e) ou entre vocês. Uma pitadinha de tristeza pode cair bem se for este o sentimento que está sentindo, mas não exagere, tipo como fica triste pela distância entre os dois, mas mostre sua esperança e força na superação.

Nunca peça para alguém fazer por você ou copie cartas de amor prontas, mas pode citar um trecho de uma música por exemplo, mas não a música toda. Pode citar uma poesia também, se ela for tocar a pessoa que receberá a carta.

Fale dos momentos bons que passaram juntos, se não passaram ainda, diga as experiências que quer viver com ela, e principalmente o motivo pelo qual a pessoa amada é tão especial para você.

Com certeza suas palavras, só suas, irão tocar o coração da pessoa amada.

VII – Arrumação das ideias:

Agora é o momento de “equilibrar” o texto, arrumar todas as ideias que você colocou no papel, ou no editor de texto, em ordem. Porém isso ainda será um rascunho. Sim, dá trabalho, mas no fim o resultado fica muito bom, valerá apena o esforço. Claro que dá para fazer uma carta de amor de uma só vez, mas para maioria das pessoas isso é complexo.

Veja como seu texto pode ficar ordenado:

1- Comece fazendo uma saudação, tipo querida(o) fulana(o) de tal.
2- Depois coloque o que motivou a escrita.
3- Em seguida a “rasgação de seda”, ou seja, sua declaração de amor, elogio e afins.
4- Agora mais algum conteúdo que ache pertinente.
5- Por último seus planos futuros com esta pessoa.

Agora leia em voz alta para ver se ficou legal, isso ajuda muito, pode acreditar. Mude se achar que ainda pode ficar melhor.

Atenção: Cuidado para não se perder em uma carta muito grande. Coloque só o que ficou muito bom no primeiro rascunho, e tente não ser repetitivo. Não fique com pena de eliminar algumas partes do texto original, cortar ou substituir palavras e frases são tão importantes quanto todo resto. É preferível uma carta curta e boa, do que uma carta longa e cansativa.

VIII – Papel de carta

Você pensou que iria mandar a carta por e-mail ou imprimir? Até pode ser, mas escrever de próprio punho e enviá-la de maneira convencional é bem mais romântico! Afinal você quer “encantar” esta pessoa, ou não?

Escolha um papel bem bonito, não precisa ser multicolorido ou cheio de “firulas”. Caso o papel não seja pautado, utilize uma régua como orientação ou risque com lápis pautas paralelas e equidistantes (depois do texto escrito apague as linhas) para ficar com uma apresentação bem bonita.

IX – Caneta

Pegue uma caneta que não borre facilmente. Em papelarias há vários modelos de excelente qualidade. Caso queira pode escrever a carta de amor com bico de pena, ou outra “ferramenta” de escrita.

X – Como escrever a carta de amor

Agora é um dos momentos em que é necessário mais calma, é hora de passar seu texto final para o papel. Escreva com bastante cuidado, com paciência e que fique bem legível. Nem todo mundo tem letra bonita, mas procure caprichar na caligrafia, o importante é que seja feito por você, com sua letra, nunca peça para outra pessoa escrever para você. Se errar, aconselhamos pegar outro papel, pois tentar apagar pode manchar o papel. A pessoa que receberá a carta merece seu capricho e empenho.

Escreva na seguinte ordem:
Comece colocando o local e data, em seguida o conteúdo que está no último rascunho, e depois assine a carta na parte inferior após o término do texto.

XI – Toques pessoais

O texto está perfeito, escrito com letras legíveis e bonitas, em um papel sem amassados ou rasuras, agora que tal dar um toque pessoal em sua carta? Mas cuidado para não estragar todo trabalho que já foi feito.

Você pode fazer uso da famosa marca de batom no papel ou do tradicional cheiro de perfume. No caso do perfume, basta borrifar um pouquinho do perfume que você costuma usar, pelo cheiro a pessoa lembrará logo de você.

Pode também fazer um desenho, ou qualquer tipo de arte que deseje, sempre tomando cuidado para não exagerar. Utilize seus dons e criatividade, mas seja sutil, pois o principal é o texto.

XII – Envelope

Existem infinitos modelos de envelope para carta, de vários modelos, texturas, cores, etc. Escolha um de boa qualidade do tamanho que não precise fazer muitas dobras na carta. Caso queira, como toque final, pode colocar pétalas de rosas dentro do envelope.

Sua carta de amor está pronta, agora é só enviar pelo correio ou pedir para um portador entregar.

Leia também:

  1. Simpatia para não perder o amor do namorado ou namorada
  2. Simpatia para conseguir um amor em 2010
  3. Como fazer uma carta de demissão com Aviso Prévio
  4. Como fazer uma carta de apresentação dicas
  5. Modelo de carta de demissão com Aviso Prévio

§ Deixe um comentário

meta